Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A rapariga do autocarro

25
Mai18

O ditado já é velho

 

O barato sai caro!

Quem não se deparou  com várias páginas no Facebook de venda de ténis de marca a preços baixissímos? A tentação é grande, 30€ por uns ténis que habitualmente custam mais de 100, dá para desconfiar, mas ainda assim as pessoas arriscaram a comprar.

Mas claro que o que recebiam em casa não correspondia ao esperado!! Desconfiem sempre quando se depararem com négócios destes, como diz o meu pai, -  "baratas?  baratas andam pelas paredes"

PSP INFORMA

20 Detidos por falsas encomendas

A Polícia de Segurança Pública, através da Divisão de Investigação Criminal do Comando Metropolitano de Lisboa, com o apoio do Comando Distrital da PSP de Leiria, da Unidade Especial de Polícia e do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, no dia 23 de maio de 2018, na zona de Leira, desenvolveu uma operação que culminou na detenção de 20 indivíduos, com idades entre os 21 e os 59 anos de idade de nacionalidades marroquina e portuguesa.

Esta operação consistiu no cumprimento de 54 buscas domiciliárias e não domiciliárias e em 60 apartados em 15 estações dos CTT com vista à apreensão do material utilizado pelos suspeitos para a prática criminosa.

Organizando-se entre si, os agora detidos, através da criação e uso de páginas de Facebook disponibilizavam, promoviam e anunciavam a venda de calçado de reputadas marcas, a preço de saldo, referindo ser calçado importado e, em virtude disso, mais barato que nas lojas das marcas.

Contactados pelos ofendidos e concretizado o negócio, os agora detidos remetiam aos compradores calçado sem qualquer marca distintiva e não correspondente ao que se haviam comprometido a vender e que tinham sido pagos por aqueles. As encomendas eram expedidas através de apartados dos CTT e levantadas mediante/contra reembolso.

Desta operação resultou a apreensão de:
• Mais de 1600 pares de ténis;
• 700 Encomendas com ténis;
• 29,600.00 €;
• Centenas de talões de liquidação e aceitação de encomendas;
• Centenas de Ordens de Cobrança dos CTT;
• Centenas de Vales dos CTT;
• 200 Sacos de remessa;
• 70 Telemóveis;
• 15 Computadores;
• 15 Viaturas;
• Vários Extratos bancários;
• Diversos documentos relacionados com a atividade criminal.

Com tal actividade e não obstante poder vir a localizar-se outros, estão já identificados entre 1300 e 1400 ofendidos o que permitiu à organização proveitos que ascendem a cerca de 4 milhões de euros

Face à recolha de prova produzida ao longo da investigação e pelo facto de se encontrarem fortemente indiciados pela prática dos crimes de burla qualificada, branqueamento de capitais, falsificação de documento e associação criminosa, foram emitidos Mandados de Detenção fora de flagrante delito pela Autoridade Judiciária para que os suspeitos fossem detidos e presentes no Tribunal Central de Instrução Criminal para 1.º Interrogatório Judicial e aplicação das respetivas medidas de coação.

Para meus colegas a quem cabe a elaboração do expediente são maratonas intermináveis de burocracias, porque nos filmes nunca há a parte chata da papelada, mas acreditem é mesmo muito desgastante!!

Falta saber quais serão as medidas de coação!!!???