Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A rapariga do autocarro

10
Abr16

Do paraíso ao Inferno em menos dum fósforo

Numa semana, uma transferência de serviço à minha revelia tranformou os meus dias em pesadelos diários.

 

Não me enquadro no local, não gosto das tarefas, cada dia tem sido uma pequena batalha, quero fugir e não sei para onde. Durante 20 anos fugi deste tipo de serviço, para agora ser confrontada com ele, eu já sabia que o detestava, não precisava de confirmar!

 

É assim que se tratam as pessoas, desviam pessoas de tarefas que adoram, na secção era  um trabalho que era empurrado duns para os outros, durante cerca de 16 anos fi-lo apaixonadamente,  agora alguém terá que o fazer contrariado, porquê pergunto eu?

 

Assim, tou num serviço que daqui a uns dias me vai começar a causar crises de ansiedade para chegar aos ataques de pânico, tudo porque quem manda é quem manda...Alprazolam, Sertralina onde andam vocês?

 

Dia 11 de Março fazia um post com o título I love my Job, neste momento é justamente o oposto.

 

 

29 comentários

Comentar post

Pág. 1/2